Aqui você tem acesso ao seu boleto e muito mais. Acesse já.  

Segurança no condomínio

Crianças exigem cuidados extras em todo o lugar, mas se você vai morar em condomínio é sempre bom conhecer algumas dicas para avaliar o local – se for comprar ou alugar – ou pedir modificações, se você já for proprietário em um condomínio.

Para um condomínio seguro é importante que a estrutura do edifício seja projetada para receber crianças. Os lugares que necessitam de mais atenção são os playgrounds e as piscinas. Se o playground não for no térreo observe se o mesmo possui grades altas.

Confira dicas de segurança

Não correr perto das piscinas, por causa dos pisos escorregadios que podem causar acidentes. Na verdade, o essencial é que as crianças não tenham acesso a essa área sem supervisão de adultos.

A área da piscina deve ser cercada e o portão deve ser mantido trancado. O importante é que o condomínio tenha regras rígidas – estabelecidas em assembleia – para o uso da piscina, lembrando que o síndico responde civil e criminalmente por tudo o que acontece no empreendimento. Portanto, é fundamental que tenha total controle sobre a manutenção, limpeza e sobre o funcionamento da área da piscina

A ABNT possui normas técnicas para segurança de parquinhos. Os parquinhos do condomínio devem seguir essas regras para evitar acidentes.

Crianças não devem brincar dentro ou próximo das garagens. Pois há circulação de carros, o que é um risco para as crianças.

Os motoristas de condomínio também devem ter muita atenção ao dirigir ou manobrar o carro para evitar atropelamentos.

É sempre bom lembrar da proteção nas janelas para quem mora em apartamento. Telas de proteção são essenciais e precisam ser instaladas desde o primeiro dia da criança na casa.

Fonte: http://maringa.odiario.com